CICLISMO e CICLOATIVISMO
MEIO SURREAL, NÉ?

O CORONAVÍRUS MUDOU O MUNDO COMO O CONHECÍAMOS E FOMOS DE CEM A QUASE ZERO EM SEGUNDOS... O MUNDO INTEIRO QUASE PAROU COMPLETAMENTE... E NÓS COM ELE.

AO LONGO DO ANO PASSADO, AINDA TENTAMOS REJEITAR O QUÃO SÉRIO O COVID-19 É.

JÁ SE PASSARAM 12 MESES E ESSAS LIMITAÇÕES À NOSSA LIBERDADE ESTÃO NOS DESGASTANDO, AFINAL, NÃO FOMOS FEITOS PARA VIVER ISOLADOS ASSIM, MAS POR MAIS DIFÍCIL E DESESPERADORA QUE A SITUAÇÃO POSSA PARECER, HÁ LUZ. EU PROMETO.

TENHA PACIÊNCIA, TODOS NÓS PODEREMOS NOS RECONECTAR FISICAMENTE OUTRA VEZ E SERÁ MARAVILHOSO, MELHOR DO QUE ANTES PORQUE AÍ SABEREMOS O QUANTO FAZEMOS FALTA UNS AOS OUTROS. O CONTATO VIRTUAL NÃO É A MESMA COISA.

PENSE NISSO => COM CADA LIBERDADE FÍSICA RETIRADA, É UMA OPORTUNIDADE DE CRIAR SUA PRÓPRIA LIBERDADE MENTAL. ALGO A QUE SEMPRE TEMOS ACESSO E QUE NINGUÉM PODE TIRAR. É POR ISSO QUE CUIDAR DA SUA SAÚDE MENTAL DURANTE ESTE PERÍODO É ABSOLUTAMENTE ESSENCIAL.

FIQUEM BEM!

JHANSEN R. MACHADO
CICLISMO / FACEBIKERS / BIKETUR CURITIBA / BLUESBRASIL / CURITIBANA TURISMO

PS: SUGESTÕES DE COMO ENCARAR ESSE "BICHO"

https://ciclismo.forumeiros.com/t536-covid-19-2021

Participe do fórum, é rápido e fácil

CICLISMO e CICLOATIVISMO
MEIO SURREAL, NÉ?

O CORONAVÍRUS MUDOU O MUNDO COMO O CONHECÍAMOS E FOMOS DE CEM A QUASE ZERO EM SEGUNDOS... O MUNDO INTEIRO QUASE PAROU COMPLETAMENTE... E NÓS COM ELE.

AO LONGO DO ANO PASSADO, AINDA TENTAMOS REJEITAR O QUÃO SÉRIO O COVID-19 É.

JÁ SE PASSARAM 12 MESES E ESSAS LIMITAÇÕES À NOSSA LIBERDADE ESTÃO NOS DESGASTANDO, AFINAL, NÃO FOMOS FEITOS PARA VIVER ISOLADOS ASSIM, MAS POR MAIS DIFÍCIL E DESESPERADORA QUE A SITUAÇÃO POSSA PARECER, HÁ LUZ. EU PROMETO.

TENHA PACIÊNCIA, TODOS NÓS PODEREMOS NOS RECONECTAR FISICAMENTE OUTRA VEZ E SERÁ MARAVILHOSO, MELHOR DO QUE ANTES PORQUE AÍ SABEREMOS O QUANTO FAZEMOS FALTA UNS AOS OUTROS. O CONTATO VIRTUAL NÃO É A MESMA COISA.

PENSE NISSO => COM CADA LIBERDADE FÍSICA RETIRADA, É UMA OPORTUNIDADE DE CRIAR SUA PRÓPRIA LIBERDADE MENTAL. ALGO A QUE SEMPRE TEMOS ACESSO E QUE NINGUÉM PODE TIRAR. É POR ISSO QUE CUIDAR DA SUA SAÚDE MENTAL DURANTE ESTE PERÍODO É ABSOLUTAMENTE ESSENCIAL.

FIQUEM BEM!

JHANSEN R. MACHADO
CICLISMO / FACEBIKERS / BIKETUR CURITIBA / BLUESBRASIL / CURITIBANA TURISMO

PS: SUGESTÕES DE COMO ENCARAR ESSE "BICHO"

https://ciclismo.forumeiros.com/t536-covid-19-2021
CICLISMO e CICLOATIVISMO
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Dando uma olhada

ciclismo
contador de site

Últimos assuntos
» Viola Brand - Bike mais Ginástica igual show
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyTer 30 Mar 2021 - 1:14 por Admin

» Como lidar com esse bicho!
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyQua 24 Mar 2021 - 21:28 por Admin

» SEGURO PARA BICICLETA
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptySab 4 Abr 2020 - 1:02 por Admin

» CALOI BICICLETAS
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptySab 4 Abr 2020 - 0:14 por Admin

» Reclinada para o transito - inspirado nas joias europeias
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptySeg 15 Out 2018 - 10:17 por Admin

» São Paulo - SP - Polêmica das ciclovias
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptySeg 13 Abr 2015 - 20:21 por Admin

» FOR SALE:2014 Bikes,Trek,Scott Genius,Specialized,Cannondale & Giant Anthem Bikes
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptySeg 24 Nov 2014 - 14:16 por bikemall1

» CTB Código de Trânsito Brasileiro para Ciclistas
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyTer 27 Maio 2014 - 13:56 por cypriano

» SOROCABA - SP
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyTer 13 Maio 2014 - 20:17 por sergio_moraes

» Opinião SCOTT Speedster 50 2013 x Specialized ALLEZ 2014???
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptySab 30 Nov 2013 - 23:42 por Alan Ricardo

» scott scale 970 x specialized carve comp????
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyQui 21 Nov 2013 - 17:55 por Valmir Dimas de Andrade

» Bike no Paraguai
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyQui 21 Nov 2013 - 8:59 por Valmir Dimas de Andrade

» Ideias para Presente com Desconto?
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptySex 25 Out 2013 - 16:32 por brendaaa-santos-86

» Mundial de BMX 2013 - final
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyQua 9 Out 2013 - 11:14 por Admin

» Ciclofaixas em Nova Iorque
Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 EmptyQua 2 Out 2013 - 14:11 por Admin

Junte-se ao "Team Paraná"

Indique aos amigos!
FaceBikers - Entre nessa!
Social bookmarking

Social bookmarking reddit  Social bookmarking google      

Partilhe com seus amigos e fique antenado!

Conservar e compartilhar o endereço de CICLISMO e CICLOATIVISMO em seu site de social bookmarking

Quem está conectado?
2 usuários online :: 0 registrados, 0 invisíveis e 2 visitantes

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 227 em Qua 7 Abr 2021 - 2:54

Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02

Ir para baixo

Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02 Empty Tutty Vasques - Inteligência no Transito - Parte 02

Mensagem por Admin Sab 1 Mar 2008 - 19:19

Talvez porque o clima deixe as pessoas receosas de chegar ao destino suando em bicas, alguns trechos de ciclovia mais afastados da orla caíram em desuso. Ficam lá ignorados primeiro pelos ciclistas, depois pelos motoristas e transeuntes,
até ganhar o esquecimento também dos responsáveis pela conservação da malha cicloviária. Essa história toda me veio à cabeça no trânsito lento da General Polidoro, ali em frente ao cemitério São João Batista, itinerário freqüente nos meus deslocamentos para chegar ao trabalho.


Olhando para a calçada oposta à dos mortos comecei a me dar conta de que está desaparecendo o trecho de ciclovia entre o Mercado das Flores e a Rua da Passagem – se localizou? –, lá onde Botafogo ficou parecido com São Cristóvão.Tem coisas que você só presta atenção em engarrafamentos. Eu vinha reparando ultimamente que nesse trajeto a pista das bicicletas foi gradativamente invadida por automóveis e motos estacionadas, ambulantes, sacos
de lixo, cavaletes, poças d’água… Como também nunca vi ciclistas por ali, me pus a pensar de onde vinha e para onde ia aquele equipamento urbano que aparentemente não serve pra nada. Um dia parei o carro e fui conferir.


Achei o princípio da ciclovia 10 metros adentro da Rua Sorocaba. Mal virei a General Polidoro à esquerda, apareceu no chão a marca de que eu já havia percorrido 1.200 metros em vinte passos.É preciso uma certa noção de arqueologia para seguir a pista que de vez em quando desaparece sob a calçada de prédios novos. Reaparece adiante cheia de buracos e obstáculos, uma imensa bagunça. Nenhuma bicicleta me ultrapassou no percurso, que, enfim descobri, vai
dar na Mena Barreto, seguindo à direita para a Praia de Botafogo e à esquerda até o metrô.

Como uma lei que fica só no papel, aquele trecho da ciclovia existe só no chão, por decreto. É o desperdício de uma boa idéia que os militantes verdes conseguiram agregar ao projeto Rio Orla em 1992. De lá para cá, foram construídos 140
quilômetros de ciclovias, do Recreio dos Bandeirantes à Praça Mauá, de Ipanema a Bangu. Está na hora de avaliar os exageros, entender por que o projeto deu mais certo em determinados trechos, fazer respeitar ou eliminar as pistas de pouco movimento e, sobretudo, estimular o carioca a se locomover de bicicleta fora dos horários de lazer. Deve haver alguma coisa inteligente para pensar a respeito, né não?
Publicado na Revista Veja-Rio (http://veja.com.br/vejarj/280207/cronica.html)
Admin
Admin
Master

Masculino
Número de Mensagens : 519
Idade : 53
Humor : ácido, constante
Data de inscrição : 21/02/2008

http://www.ciclismo.esp.br

Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos